Cuiabá (MT), 25 de agosto de 2019 - 19:39

? ºC Cuiabá - MT

Polícia

12/08/2019 15:08

Pai de menino morto pede prisão de blogueira: "Quero justiça"Pai de menino morto pede prisão de blogueira: "Quero justiça"

Marcos Souza da Costa, de 30 anos, pai do menino de 3 anos atropelado e morto após um acidente envolvendo a blogueira Lidiane Campos, está inconsolável e exige justiça.

Mesmo tendo que passar por uma cirurgia, Marcos deixou o hospital para acompanhar o velório do seu filho, na manhã desta segunda-feira (12), em Rondonópolis (220 km de Cuiabá).

“Espero que ela seja presa. Eu sei que meu filho não vai voltar, mas eu quero justiça”, afirmou ao MidiaNews, por telefone e chorando muito, durante o velório da criança. 

Espero que ela seja presa. Eu sei que meu filho não vai voltar, mas eu quero justiça

O menino era filho de um relacionamento anterior de Marcos, e morava com a mãe.

Segundo uma testemunha, Lidiane, esposa do ex-deputado federal Adilton Sachetti, teria entrado na contramão e invadido a preferencial, onde bateu em uma motocicleta em que estavam Marcos, sua atual esposa e a criança, que morreu no local, na noite de domingo (11).

No velório da criança, Marcos contou que o sentimento da família é de revolta e desespero. “Está péssimo. Estou desolado. Estamos esperando que a justiça seja feita”.

Ele disse que a blogueira ainda não entrou em contato com ele e sua família para prestar ajuda.

“Até agora ninguém deu nenhuma assistência. Não entrou em contato, mas fica postando nas redes sociais”, afirmou.

A blogueira Lidiane Campos, acusada me atropelar e matar menino de 3 anos

Dia dos Pais

O menino tinha passado o Dia dos Pais com Marcos e estava a caminho da casa da mãe. O pai disse que chegou a ver a caminhonete de Lidiane em alta velocidade indo em sua direção, mas não teve tempo de reagir.

“A gente estava vindo do Horto Florestal com meu filho, depois de passar o Dia dos Pais. Aí, a gente passou pelo semáforo e vimos a caminhonete em alta velocidade, muito rápida mesmo. Não deu tempo de fazer nada”, relatou.

Ele ainda disse que viu seu filho e a esposa estirados no chão, mas não conseguiu socorrê-los, pois também estava ferido.

“Eu fiquei muito desesperado. Eu vi meu filho desmaiado e minha esposa no chão também. Eu não sabia o que fazer, estava muito desesperado”, relembrou.

O acidente

Eu fiquei muito desesperado. Eu vi meu filho desmaiado e minha esposa no chão também. Eu não sabia o que fazer, estava desesperado

De acordo com o boletim de ocorrência número 2019.238130, elaborado pela Polícia Civil, o acidente ocorreu no cruzamento da Rua XV de Novembro com a Avenida Tiradentes, região central da Cidade, por volta das 18h40.

Daniel estava sem capacete, bateu a cabeça no chão e morreu ainda no local.

Conforme o BO, em seguida, a mulher do ex-deputado teria fugido do local do acidente e, posteriormente, abandonado o carro.

"O veículo foi localizado na própria Rua XV de Novembro, abandonado de frente à residência de número 1316, fundos do mercado Favorito", diz trecho do documento.

O carro foi apreendido pela Polícia e levado para o pátio da 1ª DP de Rondonópolis.

Fonte:https://www.midianews.com.br


Fale Conosco

Fone (65) 3023-2102
redacao@maxnoticias.com.br

 

Assessoria Jurídica.

Marcos Davi Andrade

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados.
Max Notícias.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo