Cuiabá (MT), 20 de setembro de 2019 - 21:22

? ºC Cuiabá - MT

Esporte

18/08/2019 12:08

Dana White acena com chance de título para Borrachinha: "Não dá para dizer que ele não merece"

Por Camilo Pinheiro Machado e Evelyn Rodrigues — direto de Anaheim, Estados Unidos

Dana White já tinha dito antes do card do UFC 241 que esperava que o combate entre Paulo Borrachinha e Yoel Romero fosse se mostrar a grande luta da noite. Depois da guerra de cinco rounds entre o brasileiro e o cubano, e o prêmio da noite confirmado para os dois lutadores, Dana estava mais do que satisfeito com o combate. Após a vitória, Borrachinha pediu a chance de título, desafiando o vencedor de Israel Adesanya e Robert Whittacker. Pois perguntado se Borrachinha merecia a chance de título neste momento da carreira, Dana não negou.

- Do jeito que ele ganhou do Romero, é, não dá para dizer que ele (Paulo Borrachinha) não merece a chance de título. Eu concordo. Achava que seria a luta da noite e voce ve a maneira como Costa luta e como Romero luta. Claro. Eles são duas feras. Especialmente no primeiro round quando os dois se machucaram. Foi invrícel como essa luta rolou.

A equilibrada luta entre Borrachinha e Romero abriu margem para outras opiniões às dos árbitros que deram de forma unânime a vitória para o brasileiro.

- Eu dei pra Costa os dois primeiros rounds. E alguns outros deram dois pro ROmero dois. Essa é daquelas lutas que qualquer coisa que voce olhar no resultado, não pode falra que o resultado foi absurdo. Foi uma luta espetacular.

 
Paulo Borrachinha venceu  Yoel Romero no UFC 241 e agora quer lutar pelo título dos médios — Foto: Josh Hedges/Getty ImagesPaulo Borrachinha venceu  Yoel Romero no UFC 241 e agora quer lutar pelo título dos médios — Foto: Josh Hedges/Getty Images

Paulo Borrachinha venceu Yoel Romero no UFC 241 e agora quer lutar pelo título dos médios — Foto: Josh 

Na entrevista coletiva após o UFC 241, Dana White também elogiou a luta principal vencida por Stipe Miocic , que nocauteou Daniel Cormier e recuperou o cinturão dos pesos-pesados do Utimate. Dana mostrou admiração à atuação de Miocic e não arriscou nehum caminho para o futuro de DC, que afirmou antes da luta que haveria chances de essa ser sua despedida dos octógonos.

- Deixei o vestiário dele (de Daniel Cormier) agora e vocês sabem como ele é um grande competidor. mas nao ha o que falar desses lutadores espetaculares peso pesado. E quando olhei para Miocic e vi como ele estava em forma. E foi uma luta incrivel. E não sei como será o futuro dele. Só falei para ele: nao pense nisso agora. Passe um tempo com a família, descanse. Se quiser lutar de novo, lute, se nao quiser, nao lute. Não quero que ele pare. Olhe para hoje. Miocic é um dos maiores da história e veja como lutou DC hoje.

 
Stipe Miocic nocauteou Daniel Cormier do quarto quarto da luta principal do UFC 241 — Foto: Josh Hedges/Getty ImagesStipe Miocic nocauteou Daniel Cormier do quarto quarto da luta principal do UFC 241 — Foto: Josh Hedges/Getty Images

Stipe Miocic nocauteou Daniel Cormier do quarto quarto da luta principal do UFC 241 — Foto: Josh Hedges/Getty Images

Se Miocic e Borracinha superaram adversários que tiveram também ótimos momentos no UFC 241, o mesmo não se pode falar sobre Nate Diaz. O lutador estava há três anos sem lutar e voltou em grande estilo: Passou por cima de Anthony Pettis nos três rounds da luta e venceu sem maiores problemas um adversário duro. Quando questionado se essa atuação recolocaria Nate Diaz nos maiores holofotes da UFC para lutas principais, Dana não negou que um combate entre ele e o irlandês Conor McGregor pode acontecer pela terceira vez.

- Ele (Nate Diaz) mudou os planos de luta e fez um ótimo trabalho contra um cara top 10 do mundo (Anthony Pettis). Impressionante demais. (...) E sim, Difícil de negar isso (que poderia lutar novamente contra Conor McGregor). Ele é um grande negócio de novo. UFC precisa de um antiherói e aí está. Esse é o cara que fala vai se foder, mas não fala para isso. é só a maneira dele. Mas faz as pessoas quererem vê-lo.

Peguntado sobre se o cigarro de maconha consumido por Nate no treino aberto do UFC 241, na quarta-feira, o presidente do Utimate se disse ansioso em relação aos testes antidoping. Diaz fumou um cigarro de CBD, que não teria a substância THC, esta proibida pela USADA, organização que regula o doping dos atletas.

- Não sei o que estava lá, mas vamos descobrir em breve - disse sorrindo Dana White.

 

Fale Conosco

Fone (65) 3023-2102
redacao@maxnoticias.com.br

 

Assessoria Jurídica.

Marcos Davi Andrade

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados.
Max Notícias.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo